4 de out de 2009

Em Você



EM VOCÊ


Encontrei em você meu eixo,

ponto de equilíbrio, minha voz guia,

fio que conduz meu prumo,

Metrônomo da minha harmonia,

farol que ilumina meu rumo,

motivo dessa minha alegria.



Drica de Assis
06/08/2009


Um comentário:

  1. Pois é, DRI. O meu problema é que encontrei o meu eixo, mas continuo um pouco desequilibrado.
    Este poema é muito bonito. Você escreve muito bem. Devia escrever mais.
    Beijo amiga.
    Victor Gil

    ResponderExcluir