9 de out de 2009

Perco-me



PERCO-ME

ENQUANTO TE ESPERO,
PERCO-ME EM TEU OLHAR,
SERENAMENTE A ME ACOMPANHAR.
NA PUREZA DESSE MAR NOTURNO
MERGULHO E ME BANHO EM PAZ.

FECHO OS OLHOS,
PERCO-ME EM TEUS BRAÇOS,
ENVOLVENTES A ME ACONCHEGAR.
NA PROTEÇÃO DESSE ABRAÇO
TUDO FICA MAIS SIMPLES.

ENTREABRO OS LÁBIOS,
PERCO-ME EM TEU BEIJO
PROFUNDAMENTE A ME INVADIR.
NA PERDIÇÃO DESTE MOMENTO...
ENCONTRO-ME.

DRICA DE ASSIS
04/10/2009.


2 comentários:

  1. Oi Dri!! Sobrevoando teu espaço, pousando meu abraço!! Dri, tem um mimo pra ti no almas! Passa por lá!! RO

    ResponderExcluir
  2. Pois é, amiga. o problema é mesmo esse. A gente perde-se e depois temos dificuldade em nos encontrar-mos. Eu ainda ando meio perdido.
    Beijos amiga
    Victor Gil

    ResponderExcluir