12 de dez de 2009

Poema






POEMA...

SALPICAR A ESSÊNCIA
NUM PEDAÇO DE PAPEL
É CINTILAR CADA LETRA
COMO ESTRELAS NUM CÉU.

DESABROCHAR UM POEMA,
FEITO DANDELION FLUTUAR.
DO CORAÇÃO A PURA GEMA,
DAS ASAS D’ ALMA O RUFLAR.

NÃO DEIXAR A PENA DANÇAR,
NÃO DEIXAR A TINTA CORRER,
É O MESMO QUE SUFOCAR,
E COMO SE DEIXAR MORRER.

Drica de Assis
12/12/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário